• Ícone do Facebook Preto
  • Ícone do Twitter Preto
  • Preto Ícone Instagram
  • Renato Gomes

Terrenos com mato alto e veículos abandonados preocupam população

Dengue é a principal preocupação dos munícipes em relação aos terrenos abandonados da cidade, até um fusca coberto pelo mato foi encontrado num terreno

As denúncias de locais com possíveis focos de criadouro do mosquito da dengue (Aedes aegypti) tem crescido diariamente.


Nas redes sociais os munícipes compartilham fotos e vídeos de terrenos com mato alto, veículos abandonados, pneus em terrenos baldios, enfim, vários pontos da cidade em que podem conter criadouros, além de outros animais como cobras, aranhas ou escorpiões.


Durante a última Sessão da Câmara dos Vereadores de Jardinópolis no dia 27 de fevereiro, o vereador Cleber Tomaz de Camargos (Cleber Bicicletaria), ao fazer uso da tribuna, falou sobre um local em particular que vem preocupando os munícipes do bairro Jardim Alvorada, o antigo pátio do Detran.

Antigo Pátio do Detran. (Foto: Renato Gomes)

Segundo o vereador, a prefeitura teria informado que a responsabilidade do pátio é do Governo do Estado, mais especificamente do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo, o Detran.


No local a quantidade de veículos simplesmente largados lá, acaba se tornando muito propício para a formação de criadouros do mosquito da dengue, além de outros animais peçonhentos e demais insetos.


Outros pontos que vem preocupando a população são no bairro Jardim Bandeirantes, onde o mato alto que chega a ultrapassar a altura das casas preocupa e muito os moradores.

Mato alto no Jardim Bandeirantes. (foto: Renato Gomes)

Conversamos no começo do mês de fevereiro com o Departamento de Obras e aparentemente o dono do terreno teria sido alertado e ele iria tomar as medidas para a poda e limpeza do local, mas até o momento continua igual.

Um local curioso que chegou até nossa redação é o que foi denunciado por um morador do bairro Parque Nova Jardinópolis, onde numa rua que foi recentemente aberta no bairro, existe um fusca abandonado no meio do terreno, e o mato cresceu de tal forma que chegou a quase cobrir o veículo por completo.

Fusca quase completamente coberto pela vegetação do terreno. (Foto: Renato Gomes)

No local ainda encontramos entulhos e pneus velhos, que podem também servir como criadouros.

Por mais que a equipe de limpeza da Prefeitura Municipal, com a coordenação do Ricardo Henrique Signorini esteja fazendo um excelente trabalho em vários terrenos da cidade nos últimos meses, ainda existem muitos locais que precisam de atenção, e a população precisa ajudar a pelo menos manter esses locais mais limpos, sem descartarem entulhos ou lixo nesses terrenos.


Segundo a Superintendência de Vigilância Epidemiológica e Sanitária de Jardinópolis, só nesses dois meses de 2020 a situação de casos envolvendo a dengue são:


Casos Positivos: 21, sendo 2 desses em alarme

Negativos: 29

Aguardando Resultado: 26

Casos de Zika Vírus Confirmada: 1

Casos de Zika Vírus Suspeita: 1

(dados atualizados em 2 de março de 2020)

  • Ícone do Facebook Preto
  • Ícone do Twitter Preto
  • Preto Ícone Instagram