• Ícone do Facebook Preto
  • Ícone do Twitter Preto
  • Preto Ícone Instagram
  • Renato Gomes

2 candidatos a prefeito indeferidos em Jardinópolis

Amauri Pegoraro (PSDB) e Ganda Filho (PL) tiveram suas candidaturas indeferidas por motivos diferentes, mas entraram com recurso para tentar mudar o resultado da sentença

Ainda na tarde desta terça-feira (27) no site do Tribunal Superior Eleitoral - TSE, constavam entre os 149 candidatos a vereador em Jardinópolis, 42 com suas candidaturas indeferidas.


O motivo mais comum é por falta de documentação, ou ainda, por algum erro encontrado também em alguma documentação. Esse é o caso do candidato a prefeito Lindenilton da Silva Ganda, ou Ganda Filho – Gandinha (PL).

Ganda Filho (PL)

Segundo Ganda, também foi a falta de documentação, assim como explica o contador da campanha do candidato, que: “devido a demanda de serviços, ..., não conseguiu acompanhar as demandas do processo de sua candidatura”, como consta em declaração enviada ao TSE e publicada junto aos documentos que tramitam no processo da candidatura.


Confira a sentença da juíza clicando AQUI.


O candidato a prefeito José Amauri Pegoraro (PSDB) teve sua candidatura indeferida nesta tarde, as informações ainda não foram atualizadas no site do TSE, mas tivemos acesso ao processo, onde consta que após um pedido de impugnação feito pela coligação “O CAMINHO SEGURO PARA O FUTURO” (REPUBLICANOS – PODE – PDT – CIDADANIA), alegando inelegibilidade do candidato Amauri Pegoraro, a sentença saiu com a candidatura dele indeferida.


O motivo alegado pela coligação e acatado pela juíza eleitoral Mariana Tonoli Angeli, foi de que o candidato Amauri foi julgado e condenado em 2013 por improbidade administrativa, com pena de 8 anos de inelegibilidade que se inicia após o ressarcimento ao horário público da condenação que lhe for imposta pela justiça comum.

Amauri Pegoraro (PSDB)

Ainda assim o candidato foi para as redes sociais onde publicou um vídeo se defendendo das acusações e alegando perseguição política. Amauri falou também do trabalho que teria sido realizado por ele quando prefeito de Jardinópolis, e falou sobre a decisão de recorrer a essa sentença; “Eu tenho fé na justiça, e a justiça vai rever essa decisão, os meus advogados já estão entrando novamente para rever essa decisão. E nós somos candidatos sim.”, comentou Amauri no vídeo.


Tentamos contato com os representantes pela coligação “O CAMINHO SEGURO PARA O FUTURO” pedindo um posicionamento sobre o resultado da sentença, mas preferiram não se manifestar no momento.

Trecho final com a Conclusão da sentença da candidatura de Amauri Pegoraro

Fotos: Divulgação

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações publicados no site do Jornal Mídia Digital, mesmo reprodução de outro texto, por qualquer meio, sem prévia autorização do autor conforme Lei nº 9610/98. Contudo, a divulgação ou compartilhamento das publicações originais, apenas as originais, como link ou postagem em redes sociais do Jornal Mídia Digital, estão permitidas.

  • Ícone do Facebook Preto
  • Ícone do Twitter Preto
  • Preto Ícone Instagram